fbpx

RjDj - Brian Eon

Matéria originalmente publicada na Revista House Mag

A Apple teve uma ótima idéia quando liberou o código fonte para a criação de aplicativos para o I-phone, como o telefone da Apple já vendeu mais de 20 milhões de unidades, o mercado consumidor para os softwares neste padrão chamou a atenção de muita gente, por isso mesmo agora existem no mundo 200.000 pessoas desenvolvendo aplicativos para este formato, uma população muito maior que a quantidade de funcionários da Apple, com esse trabalho intenso tem surgido ótimas opções, desde jogos clássicos como o Tetris, Msn, Skype e até diversos modelos de controladoras Midi (quem lê regularmente a esta coluna sabe exatamente o que eu estou falando). O último aplicativo que me chamou atenção foi o RjDj criado por Brian Eno (aquele mesmo que inventou o gênero Ambient) e o projetista de software Peter Shilvers, o aplicativo marca uma nova maneira de se vender e principalmente de ouvir música.

O RjDj é um grande avanço se você comparar com a audição de um cd, com ele instalado no seu I-phone (o album inteiro sai por U$3,00), o áudio captado pelo microfone somado com os estímulos captados pelo sensor de movimento, transforma completamente a faixa. Como o Brian Eno diz: “O aplicativo nao apenas muda a música, mas ele muda baseado no que você esta fazendo, por isso o mundo ao seu redor vai soar diferente ou fazer parte da música. Algumas cenas soam muito bem, como andar na cidade, ficar sozinho ou “fazer música com os seus amigos”.