Esse é o segundo artigo de uma série de 4, sobre resoluções de ano novo que eu quero colocar em prática. Espero te inspirar a fazer o mesmo.

Resoluções de ano novo (parte 2) – Investir mais tempo em produção musical e menos em mash-ups

Comecei a produzir em 2002, naquela época eu conseguia investir de 4/6 horas por dia estudando e criando novas músicas, com o passar do tempo esse espaço diário na agenda foi diminuindo, chegou ao ponto de nos últimos dois anos eu lançar menos de 5 músicas – quando no passado eu fazia isso por mês.

Eu como muitos outros artistas, começamos a criar mash-ups ao invés de novas músicas.

As vantagens de criar mash-ups ao invés de músicas próprias são:

  • Mash-ups podem ser feitos em poucos minutos
  • A qualidade final do áudio sempre alcança um nível profissional
  • Mash-ups são hits instantâneos, principalmente quando misturam duas músicas já conhecidas

O problema de basear um trabalho em mash-ups é que eles te colocam em uma linha de conforto, onde com pouco esforço você consegue um resultado bom na pista, o problema é que os mash-ups sempre vão ser duas ou mais músicas de outros artistas e no fim das contas o público tende a lembrar mais das músicas do que de você.

Você também está pensando em investir mais tempo em produção musical?