O Felippe Senne, fez no começo da semana no seu blog um artigo sobre o site Beatelite, eles são especialistas em vender projetos abertos de músicas (Ableton, Logic e Reason) – a qualidade das músicas é muito boa, só achei o preço um pouco caro: U$40,00 por projeto.

O conceito de projetos aberto é ideal para que produtores iniciantes (e experientes também), tenham a chance de analisar uma música finalizada, para aprender mais sobre:

Timbres;
Padrões;
Arranjos;
Automações;
Mixagem;
Masterização.

Acredito que esse tipo de ferramenta, é excelente para produtores, que estão com dificuldades de terminar as suas músicas. Eu já disponibilizei alguns projetos abertos aqui no site.

Músicas:

Mash-ups:

Discussão:

No Blog do Felippe apareceu muitos leitores contrários a ideia de fornecer projetos abertos, a principal oposição é que assim vão aparecer muitos produtores ruins e sem preparo, como já existem muitos DJs assim. Separei os principais comentários:


  • @Guitro
Bela iniciativa, porém, já to vendo que vai virar modinha ser produtor já que agora ficou ‘fácil’ fazer música haha
E aí já viu né, a galera começa a banalizar os reais produtores…

  • @Fabiano A.
Eu sou contra esse tipo de “serviço” e meus motivos provavelmente todos vão entender. Hoje virar DJ é muito fácil, a quantidade de vídeos no Youtube, softwares “mágicos” disponibilizados nas mais diversas formas de pirataria entre tantas outras formas concretiza isso.
A impressão que esses tipos de produtos, como “aprenda vendo como foi feito”, é que logo vai virar um novo mercado de porcaria. Se hoje a gente tem tanto DJ ruim, sem noção de conceito, sem estudar música principalmente, é por culpa da quantidade de informação amadora apresentada a nível gratuito. Não que o Beatelite.com seja amador, não comprei nem vou comprar, mas acho que mesmo incentivando as pessoas a não usarem os templates que o serviço oferece, vai nascer um padrão tão poluído e ruim como o que temos hoje de DJ.

  • @Caian Maestrelli
Fabiano me desculpa mais não concordo com vc man.
Na minha cabeça penso da seguinte maneira: Quanto mais dj ruim melhor, por que assim fica mais fácil meu trabalho ser reconhecido já que estudei e estudo bastante sobre o assunto.
E na produção a mesma coisa, quanto mais música ruim melhor, por que ai a minha música boa vai ter espaço garantido.

  • @Bit Production

Realmente, é possível VER e OUVIR como tudo funciona. Agora, ENTENDER como tudo funciona, já são outros quinhentos. Isso seria de muito valor se complementado com teoria. Tem um lance assim da Waves, que vem com umas musicas abertas pra que você “aprenda” a mixar. Na minha visão, é mais válido do que somente o projeto.

Porém, não compartilho tanto da preocupação dos amigos acima. Esse tipo de informação, na minha opnião, é melhor do que nenhuma informação.


  • @Roberval

Putz na boa acho isso uma mer##.

vai banalizar o lado produtor …ja te varios bbb atacando de djs com programas ..agora com isso fudeu de vez.


E você qual é a sua opinião?

Devo tirar (e nunca mais postar) os projetos abertos, ou eles são ferramentas de aprendizado e que não ferem ninguém?